A corrente azul
LITERATURA INFANTIL
Maria Eliana Palma

O livro de Maria Eliana Palma foi inspirado em seu neto Álvaro. Nele, Eliana fala do autismo com uma sensibilidade que emociona e ensina, mas a atuação da autora em relação ao autismo não para por aí. Ela e sua família estão fundando em Maringá o IMA - Instituto Maringaense de Autismo, com o intuito de oferecer a outros “anjos azuis” o imprescindível apoio, o conhecimento e as terapias que fizeram a diferença na educação de Álvaro. "O livro nasceu da necessidade de explicar às crianças um pouco do que é o autismo, para facilitar o acolhimento de indivíduos portadores de TEA nas salas de aula. TEA não é doença; o mundo azul não é contagioso: só precisa de compreensão e amor, porque ser autista não significa ser melhor nem pior do que ninguém, é apenas uma maneira diferente de ver o mundo!", diz a autora. Ilustrações: Vivian Saad (SP.)